OS LIVROS

O PRIMEIRO GOLPE DO BRASIL
Como D. Pedro I fechou a Constituinte, prolongou o escravismo e agravou a desigualdade entre nós

Ricardo Lessa

“O primeiro golpe do Brasil” narra um período específico e definitivo da mal contada história do país, com impactos até os dias de hoje: o golpe de 1823, liderado pelo jovem português recém-coroado D. Pedro I. Com o manto de imperador, Pedro fechou a Assembleia Constituinte, que propunha um caminho liberal para o Brasil, perseguiu aliados e inspiradores, prendeu e baniu adversários, censurou a imprensa, cercou-se de conterrâneos despreparados, alimentou-se do escravismo e promoveu os escravistas. Por trás do oficialismo construído artificialmente, emerge uma figura que nada tem do herói garboso dos livros escolares.

O autor, o premiado jornalista Ricardo Lessa, fez um minucioso trabalho de pesquisa em arquivos de vários países e revela os bastidores de um momento crítico do século 19, compreendido entre a Independência, em 1822, e a Abdicação, em 1831. A partir de relatos da época e documentos, Lessa mostra que a cadeia de fatos desencadeada em 1823 reforçou o escravismo, a desigualdade e o elitismo no Brasil. O pano de fundo do livro é a disputa entre os que defendiam a manutenção dos privilégios da aristocracia e os republicanos constitucionalistas. Venceu o atraso, que nos ajuda a entender os últimos 200 anos do país.
.

Ficha técnica

ISBN: 978-65-86339-19-2
Formato: 14cm x 21cm
Número de páginas: 176
Ano de lançamento: 2024
Gênero: História, Jornalismo